home

Ana Catarina Mendes destaca que “o país não parou, apesar da pandemia”

Ana Catarina Mendes destaca que “o país não parou, apesar da pandemia”

“Apesar da pandemia, o país não parou, o investimento público não parou”, asseverou hoje, em Coimbra, a presidente do Grupo Parlamentar do Partido Socialista, Ana Catarina Mendes, que garantiu que o Serviço Nacional de Saúde deu sempre apoio a todos os doentes, tanto infetados com Covid-19 como com outra patologia.

Publicado por:

Acção socialista

Ação Socialista

Órgão Nacional de Imprensa

O “Ação Socialista” é o jornal oficial do Partido Socialista, cujo(a) diretor(a) responde perante a Comissão Nacional. Foi criado em 30 de novembro...

Ver mais

Notícia publicada por:

Roteiro de Proximidade do GPPS, Coimbra

Ana Catarina Mendes, que no âmbito do roteiro do GPPS em proximidade visitou, durante a manhã de hoje, as obras no IPO de Coimbra e no novo Centro de Saúde Fernão de Magalhães, no mesmo distrito, fez um “balanço positivo” do investimento que está a ser feito “nas pessoas na área da saúde”.

A líder parlamentar socialista, que esteve acompanhada pelo vice-presidente da bancada do PS Porfírio Silva e pelos deputados eleitos por Coimbra Pedro Coimbra, Cristina Jesus, Tiago Estêvão Martins, Raquel Ferreira e João Gouveia, sublinhou que, “ao longo da pandemia, o IPO de Coimbra não parou o seu trabalho e a assistência que tinha de dar aos seus doentes, demonstrando uma vez mais que o Serviço Nacional de Saúde esteve ao serviço, não apenas dos doentes Covid, mas também de outros doentes”.

“O nível de investimento que está a ser feito quer nos grandes equipamentos, quer no novo edifício que vai surgir, vai permitir servir mais e melhor as populações não apenas do distrito de Coimbra, mas da zona centro”, frisou.

Ana Catarina Mendes, que tem estado “no terreno a visitar todos os distritos” ao longo das últimas semanas, deixou claro que “o país não parou, apesar da pandemia”.

Já a obra no novo Centro de Saúde de Coimbra era “há muito necessária” e “servirá cerca de 30 mil habitantes”, explicou.

Trata-se de “um investimento público que demonstra, mais uma vez, que apesar da pandemia o país não parou, o investimento público não parou e as pessoas estão concentradas em dar as respostas necessárias às populações”, destacou a dirigente socialista.

A presidente da bancada do PS mencionou em seguida que a área da saúde está em “franca revolução”, não só “pela transição digital que se viverá na saúde, como também a telemedicina, que hoje no IPO tivemos oportunidade de testemunhar, como a capacidade de gerar plataformas entre os vários agentes e os vários centros de saúde e os vários hospitais”.

Ana Catarina Mendes concluiu a visita a Coimbra com um conselho: “Aproveitemos também esta fase em que já foi aprovado o Plano de Recuperação e Resiliência para relançar e fazer os investimentos que temos de continuar a fazer na área da saúde”.

ARTIGOS RELACIONADOS