fbpx

Estado da Nação: Costa diz que foi enquanto ministro da justiça que mais se combateu a corrupção


O primeiro-ministro defendeu hoje que foi no seu tempo como titular da pasta da Justiça, entre 1999 e 2002, que se aprovou toda a legislação em vigor contra a corrupção, bem como os instrumentos de combate.

António Costa assumiu esta posição na segundas ronda de perguntas do debate sobre o estado da nação, na Assembleia da República.

“Em matéria de corrupção, basta-me dizer o seguinte: Toda a legislação que existe e todos os instrumentos legais que existem de combate à corrupção foram aprovados quando era ministro da Justiça”, disse António Costa.

Mas o primeiro-ministro foi ainda mais longe no elogio à sua ação como ministro da Justiça do segundo Governo liderado por António Guterres:  “Já lá vão quase 19 anos e ninguém fez mais do que aquilo que foi feito nessa altura”.