fbpx

Evolução tecnológica colocada ao serviço da melhoria dos cuidados de saúde


A evolução tecnológica “é uma oportunidade para melhorar o funcionamento do mercado interno, tornar mais eficaz a despesa em saúde e prestar cuidados de melhor qualidade aos utentes”, afirmou Carlos Zorrinho ao intervir na sessão plenária do Parlamento Europeu sobre a avaliação das tecnologias de saúde.

De acordo com o deputado, “a partilha transfronteiriça de dados de saúde é fundamental para melhorar o potencial das respostas, num pressuposto de qualificação de todos os intervenientes, de reforço da interoperabilidade e de proteção sistemática de dados sensíveis, com ferramentas e mecanismos fornecidos pelos sistemas públicos de saúde”.

Recordando ser corresponsável no Parlamento Europeu por uma resolução sobre a transformação digital na saúde, Carlos Zorrinho considerou que proposta legislativa em debate “contribui para desenvolver o mercado único digital, encoraja a inovação e a investigação, promove uma rede informática europeia na área da saúde e sobretudo, contribui para melhorar os cuidados de saúde prestados aos cidadãos de forma generalizada e orçamentalmente sustentável”.

“A promoção da saúde é um desafio que exige cada vez mais intervenções integradas e transversais”, defendeu no hemiciclo de Estrasburgo Carlos Zorrinho, tendo a propósito recordado que 10% do PIB da União Europeia é constituído por despesas com saúde.